October 16, 2018

Please reload

Posts Recentes
Melhores posts

8 formas que empreendedores podem praticar Mindfulness em viagens de negócios

April 10, 2017

É possível estar atento ao momento presente quando você está em uma viagem de negócios? Seja dirigindo ou voando, optar por estar presente no momento em que se viaja a trabalho pode parecer mais estressante do que qualquer outra coisa. Viagens de trabalho são povoadas com voos atrasados, engarrafamentos e longas filas, para citar algumas situações estressantes. Como você pode vivenciar o momento presente com tudo isso acontecendo?

 

Você já está no momento presente, mesmo que você não perceba ainda. Mindfulness é o ato de estar atento abertamente no momento presente, observando sem qualquer tipo de julgamento. Tudo que você tem a fazer é perceber o que está acontecendo agora e ir com ele. E não há melhor momento para abraçar novas experiências do que viajar. Veja como domar sua mente de macaco para estar presente e realmente apreciar o que está acontecendo ao seu redor.

 

1. Imagine você tendo pensamentos transparentes.

Imagine um voo a trabalho matutino onde tudo dá errado. A fila para vistoria de segurança é tão longa que quase faz com que você perca o pré-embarque, seu pedido no Starbucks fica confuso e uma criança está gritando na fila a sua frente. É um seguro palpite arriscar que os pensamentos em sua mente estão frustrados.

No entanto, se todos pudessem ver o que você estava pensando, você continuaria a pensar negativamente? Este é o momento onde os pensamentos trasparentes entram, uma tática sugerida pela psicóloga social Dr. Ellen Langer, Ph.D. para criar uma gestão consciente do pensamento.

Langer afirma que, se as pessoas pudessem ver o que você estava pensando, você não iria ter maus pensamentos. Ao contrário, você tentaria ver as coisas sob uma outra perspectiva. Ter o  pensamento transparente significa categorizar tudo o que te perturba como uma tragédia ou inconveniência. Se o seu pedido no Starbucks não estava correto, pergunte a si mesmo se é uma tragédia ou uma inconveniência. Desde que isso não faça você perder o voo ou realmente arruine o seu dia, você pode marcá-lo como uma inconveniência.

 

2. Aprecie a espera.

Todos os anos, os americanos gastam cerca de 37 bilhões de horas esperando em filas. Esperar, mesmo por um curto período de tempo, aumenta nossas emoções - tédio, impaciência e uma pontada de desesperança. Se a Mindfulness significa estar no momento presente e você está preso em uma fila, como você pode parar de sentir como se a vida estivesse passando por você?

Aprenda a apreciar a espera. Saboreie momentos em que a única coisa que se espera que você faça é estar exatamente aqui e agora. Concentre-se em detalhes que podem ter passados desapercebidos por você e desfrute do ato de atenção plena que pode ser feito em qualquer lugar: respirar.

 

3. Respire.

Por que a respiração continua sendo o exercício de atenção plena mais testado e verdadeiro? Jay Dixit, escritor de ciências da Psychology Today, resume esse fato na ideia de que a respiração está sempre com você. Concentrando-se na respiração, você se orienta para o agora e se torna um com o momento presente.

A natureza universal da respiração  exprime que não há lugar ou circunstância onde você não possa parar por um instante para inspirar e expirar. Concentre-se na sua respiração. Feche os olhos e respire para dentro e para fora lentamente. Preste atenção à sensação do ar que entra e sai de seus pulmões. Deixe seu corpo relaxar e desfrute do ritmo de sua respiração.

 

4. Pense antes de comer.

A alimentação durante uma viagem de négócios  não é exatamente um exemplo genuíno de viver o melhor da vida. Quer você esteja pegando um café expresso e lanchando no terminal de um aeroporto, ou mesmo hospedado em um hotel cercado por restaurantes, é ridiculamente fácil comer em excesso.

O ato de comer é uma enorme oportunidade de atenção plena que pode ser feito conscientemente ou sem pensar. Mesmo em dias conturbados, reserve um tempo para comer sem distrações externas. Observe como você consome a refeição. Você toma mordidas grandes ou pequenas? Como a textura do alimento se parece? A que horas você comeu? Ao observar atentamente como você come, você se permite concentrar na refeição e previne-a de se tornar apenas mais um afazer durante o seu dia.

 

5. Evite fazer checklist.

Para aqueles ávidos em criar lista de afazeres, este poderia soar como um conselho terrível. No entanto, Langer observa que checklists são realmente mais estúpidos do que conscientes, uma vez que a maioria dos itens não são adquiridos naquele momento. Evite a visualização do checklist como uma mera lista de itens que devem ser riscados e aborde-a como algo que precisa de informações qualitativas que só podem ser obtidas naquele momento.

 

6. Mantenha um diário.

Se você já não tiver um, comece a manter um diário. Comece a manhã escrevendo algumas linhas ou termine o dia com o seu próprio monólogo interno sobre os eventos que aconteceram durante toda a viagem. Concentre-se em gravar aspectos sensoriais que você poderia esquecer em uma semana e registre-os com seus pensamentos e emoções. Guarde-o dentro de sua bolsa durante a sua viagem como um lembrete para continuar escrevendo.

 

7. Dê a si mesmo tempo para se mover.

Atenção plena juntamente com exercícios fazem o par perfeito, porque prestar atenção com propósito significa prestar atenção a cada parte do seu corpo. Crie uma rotina simples que te alivie e relaxe. A maioria das pessoas que viajam a negócios não terá um tapete de yoga ou halteres à mão, por isso algumas idéias de exercícios fáceis para manter seu sangue fluindo incluem alongamentos, uma caminhada rápida e yoga.

 

8. Crie elogios conscientes.

É tarde e seu voo para casa foi cancelado. Você está tentando reservar o próximo voo disponível com uma atendente em um aeroporto. A atendente está fazendo tudo o que pode para acomodá-lo, mas a frustração está deixando a sua paciência por um fio. Então, você tira um momento para se concentrar em sua respiração.

Você olha para o crachá dela e observa um broche próximo a ele. Tem a forma de um abacaxi. Você diz a ela o quanto você gosta do broche e os olhos dela se iluminam com o elogio.Vocês conversam brevemente sobre o broche que a atendente adquiriu no Havaí. Ela ajuda você a encontrar um voo e você sai com a sensação de que houve uma conexão real.

Langer diz que quando você está atento ao presente, seu comentário reflete aquele momento. Pequenas conversas sobre o tempo são, em qualquer lugar, tão eficaz quanto um comentário específico, como o do broche de abacaxi. Quando as pessoas recebem um elogio, elas reconhecem que você está aqui e agora, e é sobre tudo isso que se trata a mindfulness ou atenção plena.

 

Visite o nosso site

www.claramente.com

 

DEBORAH SWEENEY

Deborah Sweeney é a CEO da MyCorporation.com. MyCorporation é um líder em serviços legais on-line de arquivamento para empreendedores e empresas, fornecendo pacotes de inicialização...

Read more

 

Please reload

Connecte-se