October 16, 2018

Please reload

Posts Recentes
Melhores posts

"É preciso, literalmente, de um segundo": um ex engenheiro do Google me deu o melhor conselho sobre meditação que já ouvi.

April 25, 2018

Talvez eu seja preguiçoso, mas a melhor dica de meditação que já ouvi é: "Faça menos do que você pode".

 

 A dica, que vem originalmente do mestre budista tibetano Mingyur Rinpoche, consta no livro de Chade-Meng Tan 2012, "Search Inside Yourself".

 

Tan resume o conselho para os seus leitores: "A idéia é fazer menos práticas formais do que você for capaz. Por exemplo, se você pode se sentar tendo atenção plena por cinco minutos antes de que isso se torne uma tarefa, então não se sente por cinco minutos, mas por apenas três ou quatro minutos, talvez algumas vezes por dia".

 

O que Tan realmente quer dizer aos leitores: não seja muito ambicioso quando se trata de meditação. Isso não o torna preguiçoso, o torna inteligente. Se você criar uma prática confortável e alegre terá ainda mais chance de sustentá-la.

 

Tan é um antigo engenheiro da Google que desenvolveu o Curso de Inteligência Emocional Insanamente Popular da empresa, também chamado de "Search Inside Yourself" (busque dentro de si mesmo). A programação SIY agora é oferecida publicamente; estive presente durante o último outono, em Nova York.

 

Quando falei com o Tan, por telefone, em maio, ele me disse que sustentar uma prática de meditação ou Mindfulness significa encontrar sua dose efetiva mínima. Em outras palavras, descubra "o quanto de  meditação é necessário para você observar mudanças significativas em sua vida e então tenha cuidado para não exagerar pois a hiperdosagem faz com que ela deixe de ser divertida".

 

Isso pode significar sentar-se por quatro minutos, se você for capaz de tolerar tecnicamente cinco, mas também pode significar incorporar práticas Mindfulness em  sua rotina diária.

 

Tan me deu um exemplo: "Toda vez que você tiver uma experiência alegre, como beber água, simplesmente tenha atenção plena ao sentimento de alegria que surge ao beber água quando se está com sede... aquela prática que leva literalmente um segundo, talvez dois , ou não leva tempo algum pois você está bebendo água, de toda forma". Outra opção: toda vez que você vir alguém, deseje, silenciosamente, que a pessoa seja feliz, algo que, por sua vez, fará você feliz. Ou, diz Tan, você pode tirar mini intervalos de meditação. Enquanto o computador inicia, por exemplo, faça uma respiração Mindfulness.

 

"Se você presta atenção plena à respiração, isso é algo muito poderoso", diz Tan, "porque, de repente, sua mente se torna apurada e você está centrado". Se você acha que essa estratégia significa trapacear o sistema, está equivocado. Tan diz que sua capacidade de desfrutar e se beneficiar de uma dose maior, provavelmente, aumentará com o tempo. Então, eventualmente, você pode surpreender-se fazendo meditação sentada durante 20 minutos por vez, ou tendo atenção plena a tudo o que você consume em um dia.

 

Mas quando você está apenas começando, esses esforços para incorporar Mindfulness e meditação ao seu dia podem fazer uma grande diferença. Tan diz: estas são "doses pequenas”, mas importantes.

 

Visite o nosso site

www.claramente.net

 

 

Ler o artigo original em inglês: http://www.businessinsider.com/meditation-advice-chade-meng-tan-search-inside-yourself-2017-6 

 

Please reload

Connecte-se