Como ser emocionalmente inteligente


O que faz um grande líder? Conhecimento, inteligência e visão, com certeza. Para isso, Daniel Goleman, autor de "Liderança: o poder da inteligência emocional", acrescentaria a capacidade de identificar e monitorar as emoções - as suas e de outras pessoas - e gerenciar os relacionamentos. As qualidades associadas a essa "inteligência emocional" distinguem os melhores líderes do mundo corporativo, segundo Goleman, ex-repórter de ciências do New York Times, psicólogo e co-diretor de um consórcio da Rutgers University para promover pesquisas sobre o papel que a inteligência emocional desempenha na excelência. Ele compartilha sua lista curta de competências.



1. AUTO-CONSCIÊNCIA

Autoconfiança realista: você entende suas próprias forças e limitações; você opera com competência e sabe quando confiar em outra pessoa da equipe.

Insight emocional: Você entende seus sentimentos. Estar ciente do que o deixa irritado, por exemplo, pode ajudá-lo a controlar essa raiva.


2. AUTO-GESTÃO

Resiliência: Você fica calmo sob pressão e se recupera rapidamente de problemas. Você não se preocupa nem entra em pânico. Em uma crise, as pessoas olham para o líder em busca de tranquilidade; se o líder é calmo, eles também podem ser.

Equilíbrio emocional: você mantém todos os sentimentos angustiantes sob controle - em vez de explodir com as pessoas, você os informa sobre o que está errado e qual é a solução.

Auto-motivação: Você continua se movendo em direção a objetivos distantes, apesar dos reveses.


Curta a ClaraMente no Instagram

@claramente_mindfulness


3. EMPATIA

Empatia cognitiva e emocional: como você entende outras perspectivas, você pode colocar as coisas de uma maneira que os colegas compreendam. E você recebe bem suas perguntas, só para ter certeza. A empatia cognitiva, juntamente com a leitura precisa dos sentimentos de outra pessoa, contribui para uma comunicação eficaz.

Boa audição: você presta atenção total à outra pessoa e dedica tempo para entender o que ela está dizendo, sem falar sobre ela ou roubar a agenda.


4. HABILIDADES DE RELACIONAMENTO

Comunicação convincente: você coloca seus pontos de maneira persuasiva e clara para que as pessoas estejam motivadas assim como esclarecidas sobre as expectativas.

Formação de um time: as pessoas se sentem relaxadas trabalhando com você. Um sinal: eles riem facilmente ao seu redor.

Curta a ClaraMente no Instagram

@claramente_mindfulness



Melhores posts
Posts Recentes
Archives
Rechercher par Tags
Connecte-se
  • Facebook Basic Square
  • LinkedIn Social Icon